NOTÍCIAS

30/10/2019 - Cursos superiores na área da Administração são os mais procurados do país

 

De acordo com os dados do Censo da Educação Superior 2018 do MEC, mais de 1 milhão de estudantes estão matriculados em cursos superiores de tecnologia e de bacharelado em Administração

O Ministério da Educação divulgou, em setembro, os dados do Censo da Educação Superior 2018. De acordo com o levantamento, os cursos da área da administração são os que concentram o maior número de alunos: nos Cursos Superiores de Tecnologia em Gestão (CST) são 666.054 matriculados; enquanto o curso de bacharelado em Administração tem 703.254 estudantes.

No ranking de matriculados apenas dos cursos de bacharelado, os dados compilados mostram que a Administração ficou em segundo lugar. No entanto, embora o curso de Pedagogia seja o curso com maior número de matrículas no ensino superior, a soma dos Cursos Superiores de Tecnologia e de Bacharelado posiciona a Administração como a área que concentra o maior número de estudantes nesse nível de educação.

O estudo comprovou que o número de matrículas na graduação aumenta e, pela primeira vez, as matrículas no ensino EAD superaram o número de matrículas no ensino presencial. No contexto geral do Censo, em 2018 foram ofertadas 7,1 milhões de vagas nos cursos de educação a distância e 6,3 milhões em cursos presenciais.

Qualidade preocupa

Para o presidente do Conselho Federal de Administração (CFA), Mauro Kreuz, os cursos na área da Administração são, historicamente, os mais procurados. Isso, segundo ele, demonstra que trata-se de uma área atrativa e importante. No entanto, ele chama atenção para a evasão. “Isso é uma anomalia que precisa ser investigada para conter o crescimento do problema”, diz.

Mauro também comenta a questão qualitativa dos cursos. Apesar de ser a área com maior procura e maior oferta de vagas, ele explica que, na média, a qualidade desses cursos é baixa. “Existem ilhas de excelência, que servem de exemplo, mas são poucas. Na média, a qualidade formativa dos egressos é preocupante”, ressalta o presidente.

A baixa qualidade é refletida no mercado de trabalho. Segundo dados da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, de cada dez demandas de trabalho, sete são da área da Administração. Mauro cita, ainda, um levantamento feito pelo Blog de Stephen Kanitz. O estudo, segundo ele, revelou que, das 17 ocupações mais demandadas pelo mercado, 12 são em administração e três em tecnologia da Informação. Contudo, as vagas não são preenchidas. “Tem muitos candidatos, mas eles não apresentam as competências profissionais em administração que o mercado requer”, alerta.

Formação generalista

Por ser um curso generalista, a Administração atrai cada vez mais estudantes. Além disso, a carreira oferece muitas oportunidades. Segundo levantamento feito em 2018 pela Exame, a Administração está entre as 10 áreas com maior empregabilidade no Brasil.

Para Mauro, a formação deve ser “generalista, sólida e que proporcione uma visão holística, analítica, crítica e integrada de mundo e de organizações”.






Compartilhe: « Voltar

Informativo CRA-RN

Insira seu e-mail abaixo para
receber informações sobre o
CRA-RN:

CRA/RN - Rua Auris Coelho, 471 - Lagoa Nova | Natal/RN
Tel: (84) 3234-6672 | cra-rn@crarn.com.br
Horário de Atendimento ao Público: 8hs às 16hs

CRA/RN (Seccional Mossoró) - Rua Frei Miguelinho, 434, Sala 01 - Centro | Mossoró/RN
Tel: (84) 3314-3572 | cra.mossoro@crarn.org.br
Horário de Atendimento ao Público: Das 08hs às 12hs e das 13hs às 17hs.